Home » Notícias » Destaques, Notícias, Notícias CAU/RS » Construção Civil: reabertura controlada do setor em Porto Alegre

Construção Civil: reabertura controlada do setor em Porto Alegre

Print Friendly, PDF & Email

Horários diferenciados e uso obrigatório de máscara estão entre as medidas exigidas.

Pouco mais de um mês desde o decreto assinado em 20 de março, o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, anunciou nesta quarta-feira (23/04) a retomada parcial das atividades relacionadas ao setor da Construção Civil.

A decisão vem acompanhada de uma série de medidas relacionadas à adoção de protocolos técnicos de higiene, proteção à saúde e minimização do risco de contágio para os mais de 30 mil trabalhadores do segmento.

“A medida parece precipitada, pois a Prefeitura parece submeter-se à pressão exercida pelo setor empresarial em detrimento da saúde dos trabalhadores. Todos estamos apreensivos e preocupados com os impactos econômicos da pandemia, mas a responsabilidade por ‘salvar a economia’ de nosso setor não pode ser colocada apenas sobre os ombros dos trabalhadores da Construção Civil”, afirmou o presidente do CAU/RS, Tiago Holzmann da Silva.

Veja algumas normas definidas no novo decreto:

  • Atividades do setor devem funcionar no período das 9h às 16h;
  • A troca diária de uniformes dos trabalhadores passa a ser obrigatória;
  • É obrigatória a redução da circulação de pessoas nos vestiários e refeitórios de canteiros de obras, ambiente que também deverá limitar a utilização de elevadores fechados a uma pessoa por vez além do operador;
  • Obrigatoriedade do monitoramento da temperatura corporal e de sintomas gripais dos trabalhadores;
  • Obrigatoriedade do fornecimento de máscaras de proteção facial para seu deslocamento em transporte coletivo.

Clique aqui para ler o decreto na íntegra.

Clique aqui para ler a notícia divulgada pelo site da Prefeitura Municipal de Porto Alegre.

 

  • Pin It


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos marcados com * são obrigatórios.

*