Home » Notícias » Notícias CAU/RS » Não ao pregão! Fiscalização do CAU/RS impugna editais que desvalorizam a profissão

Não ao pregão! Fiscalização do CAU/RS impugna editais que desvalorizam a profissão

Print Friendly, PDF & Email

Conquistas reforçam o compromisso do Conselho com a valorização profissional e com a defesa da sociedade.

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/RS) realizou mais duas importantes conquistas a partir da Fiscalização de Editais. Após a impugnação do CAU/RS, dois editais foram anulados pois utilizavam a modalidade errada de licitação (pregão pelo menor preço), que desvaloriza o trabalho dos profissionais de Arquitetura e Urbanismo. Confira:

A Secretaria Municipal de Administração do Município de Erechim pretendia realizar a contratação de empresa para elaboração e aprovação de Planos de Prevenção Contra Incêndios (PPCI) para escolas municipais, para a futura sede da Secretaria Municipal de Educação e para a Escola de Belas Artes de Erechim.

Já a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto do Município de São Lourenço do Sul emitiu edital para contratação de serviços para elaboração e execução de PPCI para o evento da chegada do Papai Noel 2021.

 

Cada arquiteto um fiscal da profissão

Em 2019, o CAU/RS lançou a campanha Cada arquiteto um fiscal da profissão, que incentiva a realização de denúncias por parte da população e dos arquitetos e urbanistas. As ações de rotina de fiscalização crescem a cada ano que passa (cerca de 200% no comparativo entre 2017 e 2019), principalmente por meio do trabalho da equipe do CAU Mais Perto. Com o apoio da população, o objetivo é aumentar também o número de denúncias cadastradas. Saiba mais.

 

  • Pin It


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos marcados com * são obrigatórios.

*