Home » CAU Mais Perto, Destaques, Notícias, Notícias CAU/RS, Oportunidades » CAU Mais Perto em Sapiranga, Taquara, Parobé, Igrejinha e São Francisco de Paula

CAU Mais Perto em Sapiranga, Taquara, Parobé, Igrejinha e São Francisco de Paula

A semana que começa será agitada para a equipe do CAU Mais Perto. Em cinco dias, o programa de fiscalização e atendimento aos arquitetos e urbanistas do interior do Rio Grande do Sul passará por cinco cidades. Desta vez, os destinos são Sapiranga, Taquara, Parobé, Igrejinha e São Francisco de Paula.

Os serviços prestados na sede do Conselho em Porto Alegre serão levados com a mesma qualidade às cidades. Os profissionais e empresas de arquitetura e urbanismo da região poderão se beneficiar do atendimento do CAU e, aos recém-graduados, é possível realizar a coleta biométrica para emissão da Carteira de Identidade Profissional perante registro no SICCAU e apresentação do Diploma de Graduação em Arquitetura e Urbanismo.

Programação

Sapiranga

  • Data: 11/09/2017, segunda-feira
  • Horário: 10h às 12h e das 13h às 16h
  • Local: Museu Municipal Adolfo Evaldo Lindenmeyer (Av. 20 de Setembro, 3675)

Taquara

  • Data: 12/09/2017, terça-feira
  • Horário: 09h às 12h e das 13h às 16h
  • Local: Prefeitura Municipal de Taquara (R. Tristão Monteiro, 1278)

Parobé

  • Data: 13/09/2017, quarta-feira
  • Horário: 09h às 12h e das 13h às 16h
  • Local: Rua Coberta 1º de Maio (junto à Praça 1º de Maio)

Igrejinha

  • Data: 14/09/2017, quinta-feira
  • Horário: 09h às 12h e das 13h às 16h
  • Local: Rua Osvaldo Cruz, 562

São Francisco de Paula

  • Data: 15/09/2017, sexta-feira
  • Horário: 08h30 às 13h
  • Local: Prefeitura Municipal de São Francisco de Paula (Av. Júlio de Castilhos, 444)

Sobre as cidades

A uma distância curta da capital gaúcha, as cidades pertencem às regiões do Vale dos Sinos e do Vale do Paranhana. Ricas em belezas naturais, como cachoeiras e balneários, os destinos da semana são exemplos típicos da cultura interiorana do Rio Grande do Sul: carregam a herança cultural germânica, e as marcas da história em seu patrimônio arquitetônico.

Sapiranga, a maior das cinco cidades, tem uma população de 80 mil habitantes. Entre os destaques urbanísticos e arquitetônicos, estão o Morro Ferrabraz, os Balneários de Sapiranga e a Casa Johann Schmidt – construída em 1845 pelo imigrante alemão que dá nome ao local, em estilo enxaimel, a casa é uma das mais antigas do município.

Em seguida, a equipe parte de Sapiranga a Taquara, separadas por apenas 25 quilômetros. Um pouco menor, a cidade de 55 mil habitantes tem a maior parte de sua população constituída por povos de origem alemã, que trabalham principalmente nos setores industrial e comercial. O nome do município se deu em função da vegetação densa de bambus silvestres (taquarais) que, na data da colonização da área, cobria as margens do Rio dos Sinos. A Igreja Católica Bom Jesus e o Museu Histórico Municipal Adelmo Trott são pontos de relevância da arquitetura e cultura locais. Logo ao lado, a menos de 10 quilômetros, fica a cidade de Parobé, antigamente uma vila pertencente ao município de Taquara.

Igrejinha, situada a 10 quilômetros de Parobé, tem muito forte em suas ruas e construções as marcas da cultura alemã. A Oktoberfest, realizada na cidade, e a Vila Germânica, representação da arquitetura germânica, são sinais evidentes desta influência. O nome da cidade foi dado devido à influência da Igreja Gabriel, localizada no centro da cidade e presente desde a época em que os imigrantes chegaram, e lugar onde eles buscavam apoio em meio às inseguranças da migração.

São Francisco de Paula, último destino da semana intensa do CAU Mais Perto, é a menor das cinco cidades. Com pouco mais de 20 mil habitantes, o município é conhecido por suas belezas naturais. O Parque das Oito Cachoeiras, o Lago São Bernardo e a Barragem do Divisa são alguns dos pontos de interesse turístico e urbanístico na região.

  • Pin It


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos marcados com * são obrigatórios.

*