Home » Notícias » Destaques, Notícias, Notícias CAU/RS » Cursos de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul recebem os conceitos mais altos nas avaliações do Ministério de Educação

Cursos de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul recebem os conceitos mais altos nas avaliações do Ministério de Educação

A qualidade do ensino de Arquitetura e Urbanismo é uma prioridade para o CAU/RS que, desde 2018, desenvolve uma campanha pela qualificação do ensino superior

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) anunciaram, no final de 2018, os resultados do Conceito Preliminar de Curso (CPC) 2017 e do Índice Geral de Cursos avaliados da Instituição (IGC) referente ao triênio 2015-2017.

CPC – o Conceito Preliminar de Curso é composto de oito componentes, agrupados em quatro dimensões que se destinam a avaliar a qualidade dos cursos de graduação. Para que um curso tenha o CPC calculado, é preciso que ele possua no mínimo dois estudantes concluintes participantes no Enade. Os insumos usados nos cálculos são:

  • Desempenho dos estudantes no Enade – Nota do Enade
  • Valor agregado pelo curso ao desenvolvimento dos estudantes concluintes – IDD
  • Perfil do Corpo docente (Regime de Trabalho e Titulação) – Censo Superior
  • Percepção Discente sobre as Condições do Processo Formativo – Questionário do Estudante no Enade

IGC – Para que uma IES tenha o Índice Geral de Cursos calculado é preciso que ela possua ao menos um curso com estudantes concluintes inscritos no Enade no triênio de referência. É preciso ainda que tenha sido possível calcular o CPC deste(s) curso(s). O IGC é calculado anualmente e leva em conta os seguintes aspectos:

  • Média dos CPC do último triênio, relativos aos cursos avaliados da instituição;
  • Média dos conceitos de avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu atribuídos pela Capes na última avaliação trienal disponível;
  • Distribuição dos estudantes entre os diferentes níveis de ensino, graduação ou pós-graduação stricto sensu.

Ambos os conceitos vão de 1 a 5, considerando-se os níveis 4 e 5 indicadores de excelência.

Dos 26 cursos de arquitetura e urbanismo avaliados no Rio Grande do Sul (clique aqui para acessar), os seis cursos abaixo obtiveram conceito 4 no CPC e conceito IGC acima de 4.

Instituição Cidade CPC IGC
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Porto Alegre 4 5
Universidade Federal de Pelotas (UFPel) Pelotas 4 4
Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) Santa Maria 4 4
Universidade do Vale do Taquari (Univates) Lajeado 4 4
Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) Erechim 4 4
Faculdade Meridional (IMED) Passo Fundo 4 4

A qualidade do ensino de Arquitetura e Urbanismo é uma prioridade para o Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/RS) que, desde o começo de 2018, desenvolve uma campanha pela qualificação do ensino superior. A constatação de que cursos do estado apresentam desempenho excelente, dentro de uma avaliação nacional, é motivo de grande satisfação.

A listagem completa publicada pelo MEC pode ser encontrada nos seguintes links:

  • Pin It


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos marcados com * são obrigatórios.

*