Home » Notícias » Destaques, Fotos e vídeos, Notícias, Notícias CAU/RS » Arquitetura e urbanismo para crianças

Arquitetura e urbanismo para crianças

Uma oficina que ensina de forma lúdica conceitos de arquitetura e urbanismo para crianças. A ARQUITOCOS foi desenvolvida pela arquiteta e urbanista Isabela Rech Schumacher, que juntou sua formação no magistério com a graduação em Arquitetura e Urbanismo e o desejo de trabalhar com crianças para compartilhar seus conhecimentos em um projeto bastante especial. O CAU/RS esteve na escola Na Ponta do Lápis, localizada em Caxias do Sul (RS), e acompanhou uma manhã de oficina. O resultado é o que vocês acompanham a seguir: arte e criação.

A arquitetura é multidisciplinar e seu ensino auxilia a criança a desenvolver todas as áreas de conhecimento, das exatas às humanas. Além disso, atua positivamente nas habilidades psicomotoras, foco e atenção, no controle da ansiedade, já que é preciso respeitar todas as etapas dos exercícios de construção, no despertar da autoconfiança e no exercício da autocrítica. Quem diz isso não são especialistas, mas os próprios pais e professores, que acompanham bem de perto o desenvolvimento dos pequenos. Com a palavra, a arquiteta e urbanista Isabela:

Papel, palito, canudo, argila, bala de goma. Tudo vira elemento estrutural na hora de construir na ARQUITOCOS. Mas antes da criação e desenvolvimento da obra, existem outras etapas a serem cumpridas. A oficina é dividida em quatro momentos: noções básicas – arquitetura apresentada através de lugares, cores e formas, dos animais e do ser humano e suas proporções; construção – volumes, estruturas e conceitos de construção com produção de maquetes e muita brincadeira; espaço privado – concepção de casa, funcionalidade, escala e proporção; e espaço público – formação da cidade, patrimônio e escola, com proposta de melhoria de espaço definido pelas crianças.

Os alunos têm vez e voz na oficina, em alguns momentos, mais do que a própria professora. Eles aprendem e ensinam uns aos outros. A ideia é misturar meninos e meninas de todas as idades, estimular o cuidado, desenvolver a paciência e aprimorar as relações entre si e com o mundo afora. Conversamos com o Guilherme e o Eduardo, dois criativos oficineiros. Confira:

A oficina pode ser levada para qualquer lugar e foi projetada para durar um ano, mas a arquiteta e urbanista também desenvolveu versões compactas do projeto. A ideia deu tão certo que a ARQUITOCOS foi convidada para participar da LUDANTIA, I Bienal Internacional de Educação em Arquitetura para a Infância e a Juventude. O projeto desenvolvido na quarta etapa da oficina – proposta de melhoria do pátio da escola – será enviado para a Bienal. A exposição dos trabalhos premiados acontecerá em Pontevedra, na Espanha, em abril e maio de 2018.

A ARQUITOCOS já é um projeto vencedor: ganhou a simpatia das crianças, pais e professores com arte, conhecimento e criação, poderosas ferramentas de transformação de futuros e realidades.

  • Pin It


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos marcados com * são obrigatórios.

*